“Carnaval em Cuiabá pratica responsabilidade social”, o projeto será mostrado nos dias de folia na Orla do Porto

0 9

Proteger a criança e o adolescente de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, faz parte das nossas tarefas diárias, enquanto representantes públicos. Se queremos uma cidade transformada também precisamos cuidar daqueles que são o nosso futuro. As nossas crianças e adolescentes. Foi o que destacou a primeira-dama da Capital, Márcia Pinheiro, durante a solenidade de lançamento do projeto Proteger, na tarde desta terça-feira (6).

Com a chamada “Carnaval em Cuiabá pratica responsabilidade social”, o projeto já terá sua primeira ação na folia 2018 da Orla do Porto. A Prefeitura levará para os dias de festa uma equipe de assistência, formada por 30 profissionais, que vai realizar o trabalho de identificação de crianças e adolescentes presentes no Carnaval. Também será instalada uma tenda de atendimento, onde os profissionais, incluindo os conselheiros tutelares, farão os atendimentos, com distribuição de panfletos, orientações, entre outros serviços, aos foliões.

De acordo com o secretário de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, Wilton Coelho, a atuação da equipe já no Carnaval é de extrema importância, para que se comece um trabalho de conscientização, alertando sobre os cuidados com as crianças e adolescentes inseridos na festividade de Carnaval.

“O projeto foi pensado para atender uma realidade cruel, que envolve nossas crianças e adolescentes em situação de extrema vulnerabilidade. Para que essa realidade comece a mudar, precisamos, primeiramente, trazer a população para uma conscientização, de maneira que sejam agentes propagadores de informações, se tornando protetores dos nossos pequenos, diante de uma rede de acolhimento equalizada, oferecendo um tratamento de qualidade a todos, incluindo as famílias, que são parte fundamental no processo. Agradeço à primeira-dama e ao prefeito Emanuel Pinheiro, que com seu olhar carinhoso, vem à frente desses trabalhos, dignificando nossa Capital,” disse Wilton.

Toda a ação está sendo desenvolvida em parceria com a Secretaria Extraordinária dos 300 anos, pasta responsável pelos eventos realizados pela atual gestão, sendo este o Carnaval 2018.  À frente da pasta, o secretário Júnior Leite elucidou a grande importância do projeto, que auxiliará a gestão nas metas de humanização à população cuiabana.

“Todos estão de parabéns pela iniciativa de desenvolvimento desse projeto agregador. Pois temos que promover eventos de qualidade, onde as pessoas se sintam seguras dentro do ambiente festivo,” observou o secretário.

O projeto continua suas ações nas demais festividades durante o ano. Além dos eventos da Prefeitura, a equipe também desenvolverá o trabalho junto aos parceiros do município, visando alcançar cada dia mais as famílias em vulnerabilidade social.

“Estou muito feliz de ver a consolidação deste projeto hoje. Trabalhamos muito para desenvolver as melhores ferramentas de proteção e prevenção voltadas ao enfrentamento das principais formas de violência contra crianças e adolescentes. Queremos sensibilizar a população quanto à importância do cuidado com as crianças e adolescentes. E tenho certeza do sucesso da ação, pois todos os envolvidos são pessoas que carregam esta luta com muita determinação,” ressaltou a coordenadora do programa,  a assistente social Hellen Ferreira.

Presente também  no lançamento, o vice-prefeito Niuan Ribeiro parabenizou toda equipe e  lembrou da proposta da gestão de dignificação  dos atendimentos dentro de um sistema inclusivo   à população da Capital.

“O projeto só vem contribuir com as ações que já estão sendo praticadas por esta gestão, e nossas crianças e adolescentes fazem parte disso. Levar uma rede de proteção a este grupo é de suma importância, principalmente nestas épocas efetivas. Pois são nelas que os órgãos  competentes registram um alto número de casos envolvendo menores. O prefeito Emanuel Pinheiro e a primeira-dama Márcia não estão medindo esforços para transformar a vida das pessoas que  aqui vivem,” finalizou Niuan.

Também prestigiaram a solenidade a conselheira  govenamental, Vânia Arruda, e representantes da Secretarias de Ordem Pública e Saúde.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta