Esposa do ex-deputado Adilton Sachetti se envolve em acidente que teve uma criança morta

94

Lidiane Campos, esposa do ex-deputado federal Adilton Sachetti (PRB), bateu o veículo que conduzia em uma motocicleta, no cruzamento de uma rua de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), ferindo um casal e matando uma criança de 3 anos. Ela fugiu do local do crime e mandou um advogado assegurar o socorro das vítimas.

De acordo com as informações da Polícia Civil da cidade, por volta das 18h40 de domingo (11), Lidiane dirigia uma Toyota Hilux, prata, pela rua XV de Novembro, quando, quando no cruzamento com a avenida Tiradentes, colidiu com uma motocicleta com 3 ocupantes.

Testemunhas informaram que após a colisão, Lidiane seguiu até a rua Rosa Bororo, virou na contramão e fugiu.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para socorrer as vítimas, que foram encaminhas para o Hospital Regional e para a Unidade de Pronto-Atendimento.

Mas, conforme a polícia, uma criança de 3 anos que estava na moto não resistiu e morreu em seguida. Polícia afirmou ainda que, em rondas, o veículo de Lidiane foi encontrado abandonado poucos metros após o acidente.

A Hilux está com a frente bastante danificada. A caminhonete está no nome do filho de Sachetti, Eduardo Linde Sachetti.

Durante a ocorrência, advogado identificado com Wilson Lopes chegou para auxiliar as vítimas. O crime será investigado pela Polícia Civil de Rondonópolis, e ela poderá responder pelos crimes de fuga do local do acidente, homicídio doloso, omissão de socorro e danos materiais.

Sachetti se casou no dia 22 de junho com Lidiane, que é empresária e digital influencer nas redes sociais. Ela é 30 anos mais jovem que o político.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta