PM vai reforçar policiamento em Chapada dos Guimarães

O objetivo é conter a onde de criminalidade que tem assutado moradores e turistas que visitam a cidade

668

Medidas operacionais serão tomadas pela Polícia Militar no combate aos crimes que andam ocorrendo em Chapada dos Guimarães. A informação é do comandante-geral do 1º Comando Regional da PM, coronel Wancley Correa Rodrigues, após uma solicitação do deputado Max Russi (PSB), a pedido do vereador Thomas Jeferson. A confirmação se deu a partir de uma reunião na última quinta-feira (07). Já as ações policiais estão previstas para os próximos dias.

“Quero agradecer a presença do deputado Max, um parlamentar sempre atuante na Segurança Pública e dizer que todas as medidas serão tomadas de imediato, já com uma operação policiar militar no local, já com ações de inteligência”, reafirmou o comandante.

Rodrigues esclareceu ainda que aquela região está sob a responsabilidade do Comando Regional 1, que tem a frente das operações o coronal PM Esnaldo Moreira.

“Nós somos responsáveis hoje por toda a área operacional, mas aqui o coronel Esnaldo é responsável pelo comando, onde Chapada está incluída. Chapada é uma prioridade para o 1º Comando Regional”, ressaltou.

Conforme o vereador Thomas Jeferson, que apresentou as demandas ao CR-PM junto a membros do Conselho Municipal de Segurança Pública, a confirmação de uma ação operacional no município trará um verdadeiro alívio aos moradores e turistas, que visitam a região nos fins de semana. Ele lembra que a onde de crimes tem assustado as famílias e afetado, inclusive, o turismo da região.

“A preocupação pela segurança tem sido muito grande e essa ação policial é extremamente importante para nos trazer alívio. Sou grato ao deputado Max por toda a atenção que nos deu e tem nos dado e ao coronel, pela sensibilidade”, agradeceu.

Essa já é a segunda intervenção do deputado Max Russi neste ano. A primeira de 2020 foi no mês passado e resultou em operações realizadas pela PM em Jaciara, que nos últimos dias vinha sofrendo uma onda de roubos e furtos.

“Sempre fomos muito bem atendidos pela Polícia Militar de Mato Grosso, que tem sido a nossa parceria. Precisamos sempre trabalhar em conjunto, trazendo as demandas e colaborando, com esse trabalho árduo e efetivo da PM em nosso Estado”, destacou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.