Marido espanca e queima mulher que confessou traição

123

Uma mulher de 32 anos, nome não divulgado, foi espancada pelo marido e teve o corpo queimado com ‘creolina’ durante a noite do último sábado (08) dentro de casa, na Rua José Pequeno, região central de São Pedro da Cipa (148 km da Capital).

O crime aconteceu durante uma discussão, onde a vítima confessou ter traído o acusado.  A mulher foi socorrida e encaminhada consciente ao Hospital Municipal de Jaciara (HMJ), localizado a 11 km de São José da Cipa, onde deu entrada com escoriações pelo corpo, além de queimaduras na região do rosto, peito, pernas, braços e costas. Recebeu atendimento e ficou internada em observação médica. Não foi informado o atual estado de saúde da paciente.

De acordo com o relato da própria vítima, a discussão começou por volta das 22h, após o marido chegar em casa e começar a acusar a mulher de traição. Após determinado tempo de briga e insistência do esposo, quando ela já se sentia psicologicamente pressionada, confessou.

Após escutar da esposa que a desconfiança era verdade, o homem perdeu o controle e partiu para cima da vítima com tapas, socos e chutes até o momento em que ela caiu machucada e ele jogou o produto químico sobre o corpo dela, causando várias queimaduras.

Enquanto a vítima estava muito ferida no chão, o acusado ainda juntou várias peças de roupa da mulher e fez uma fogueira, ao mesmo tempo em que ameaçava a esposa e dizia: “Isso é pouco, você vai ver o que vou fazer depois”, em seguida foragiu e abandonou a vítima em casa.

A Polícia Militar (PM) foi acionada, escutou todo o relato da esposa e saiu em busca pelo agressor, mas não foi encontrado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.