TCE-MT emite parecer prévio contrário a aprovação das Contas da prefeitura de Denise

268

Em virtude do descumprimento do limite de gastos com pessoal e abertura de créditos adicionais por excesso de arrecadação sem a existência de recursos, o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) emitiu parecer prévio contrário à aprovação das Contas Anuais da Prefeitura de Denise, referentes ao exercício de 2018. O julgamento foi realizado na sessão ordinária dessa semana e o balancete segue agora para apreciação da Câmara de Vereadores.

Relator do processo, o conselheiro interino Luiz Henrique Lima ressaltou, no entanto, que o Executivo Municipal cumpriu objetivos e metas estabelecidas, bem como planos e programas de governo. Também destacou que o nível de endividamento público permaneceu estável e que os limites constitucionais e legais relativos à administração fiscal foram parcialmente cumpridos.

Frente as irregularidades, de natureza gravíssima e grave, que embasaram e emissão do parecer contrário, o conselheiro recomendou que, ao julgar as contas, o Poder Legislativo determine à atual gestão que efetue o devido repasse do duodécimo à Câmara Municipal, observe o limite de despesas com pessoal constantes da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), reduza o eventual excedente da despesa total com pessoal, observe as vedações para a abertura de créditos adicionais por excesso de arrecadação e avalie os fatores que impediram o atingimento da meta fiscal prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Deixe uma resposta