Vereador de Cuiabá é cassado por 14 votos a 11 acusado de decoro parlamentar

88

Após quase 13 horas de sessão, a Câmara de Cuiabá cassou o mandato do vereador Abílio Júnior (PSC), na sessão extraordinária desta sexta-feira (6), por quebra de decoro parlamentar. Forma 14 votos favoráveis contra 11 ao relatório da Comissão de Ética que pedia a perda do mandato do social cristão. Ele também está inelegível por 8 anos.

Votaram à favor da cassação: Misael Galvão, Marcos Veloso, Adevair Cabral, Orivaldo da Farmácia, Chico 2000, Ricardo Saad, Dr. Xavier, Juca do Guaraná, Justino Malheiros, Luis Claudio, Marcrean Santos, Mário Nadaf, Renivaldo Nascimento e Toninho de Souza.

Os contrários foram Vinicyus Correa Hugueney, Abílio Júnior, Clebinho Borges, Dilemario Alencar, Felipe Wellaton, Gilberto Figueiredo, Lilo Pinheiro, Marcelo Bussiki, sargento Joelson e Wilson Kero Kero.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.