Deputado articula a criação de um Colégio Militar do Exército em Cuiabá

71

O deputado Sílvio Fávero (PSL), que já tem ações na criação de escolas militares para filhos de PMS e também para a comunidade em diversas regiões de Mato Grosso, articula a criação de um Colégio Militar do Exército Brasileiro, para atender filhos de miliares, que residem em Cuiabá e jovens interessados em ingressar em uma unidade escolar militar do Exército, na capital.

De forma muito rápida, mas contundente, o deputado conversou sobre o assunto com o vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, durante uma visita que o vice-presidente fez a Cuiabá no inicio deste mês para falar das ações do governado federal, referente aos projetos de combate aos incêndios florestais no Brasil e nos estados, que compõem a Amazônia Legal.

Poucos tiveram acesso ao General Mourão, mas a conversa foi proveitosa, segundo o deputado. “A conversa foi sobre a criação de um Colégio Militar do Exército e pedimos o apoio do governo federal para trazer uma unidade para Cuiabá. A única na região Centro Oeste está sediada em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. É um pleito da comunidade militar do estado de Mato Grosso e suas Associações”, justificou Sílvio Fávero.

O Colégio Militar de Campo Grande é uma instituição militar de ensino, localizado em Campo Grande. O Colégio é uma unidade do Exército Brasileiro que é subordinada à Diretoria de Educação Preparatória e Assistencial. Integra o Sistema Colégio Militar do Brasil, juntamente com mais 12 Colégios Militares em outros estados brasileiros.

Criado pela Portaria Ministerial nº 324 de 29 de junho de 1993, o Colégio Militar de Campo Grande, iniciou suas atividades escolares em 6 de fevereiro de 1995, ocupando as instalações onde funcionou o Quartel General da 9ª Região Militar, situado à Avenida Afonso Pena, no centro da cidade. Em 24 de janeiro de 1997, foram inauguradas as atuais instalações na Avenida Presidente Vargas nº 2800, no bairro Santa Camélia.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.