Prefeitura aumenta fiscalização nos transportes urbanos na prevenção ao Covid-19

68

A equipe de agentes de trânsito e transportes da Secretaria Mobilidade Urbana (Semob) está atuando na linha de frente da ação de fiscalização do transporte coletivo na Capital nesse momento de enfrentamento ao novo coronavírus. São 90 veículos em circulação, ou seja, 30% da frota total existente. Desse montante, 10%, estão sendo destinados exclusivamente para atender a demanda dos profissionais da área da Saúde, tanto da rede pública como privada. Seguindo o decreto 7868/2020, e 20% serve unicamente para atender trabalhadores dos serviços essenciais.

Pelo plano elaborado de transporte, os  veículos dos servidores da saúde exclusivos sairão de diferentes regiões da cidade (pedra 90, Tijucal, Terminal do CPA via Av. Rubens de Mendonça, Terminal do CPA via Av. Dante de Oliveira , Parque Cuiabá) com itinerários exclusivos em direção a praça Maria Taquara, local  será realizado o transbordo para as regiões de destino. Os demais veículos para o atendimento dos serviços essenciais, serão compostos pelas linhas regulares, com horários e intervalos intermitentes, respeitando o limite de 20% da frota, conforme estabelece o decreto. Necessário esclarecer que os demais trabalhadores, atuantes nas áreas  essenciais, também deverão apresentar funcional, carteira de trabalho ou qualquer outro documento que comprove o vínculo empregatício.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.