Escolas de Cuiabá devem reiniciar atividades escolares em 17 de maio

50

A Prefeitura de Cuiabá decidiu prorrogar a suspensão das atividades escolares na rede pública e privada até o dia 17 de maio. O planejamento foi apresentado durante videoconferência com Ministério Público do Estado de Mato Grosso realizada na manhã de hoje, 27. Durante a reunião, que contou com a participação do secretário municipal de Educação, Alex Vieira, foi anunciado um plano estratégico de retomada gradativa e segura das atividades escolares de ensino de Cuiabá.

A rede municipal atende um total de 54 mil alunos, distribuídos em 164 unidades escolares. Já na rede privada, são 55 mil estudantes, de 267 estabelecimentos de ensino. Por medida de segurança, a Prefeitura de Cuiabá, que já havia suspenso as atividades até a data de 10 de maio, amplia o período de paralisação, visando salvar e proteger a saúde e a vida dos estudantes.

Na rede pública, seguindo as especificidades do plano estratégico, foi definido que o ensino infantil (crianças de 0 a 3 anos) retorna no dia 18 de maio. Já no dia 25 de maio, crianças de 4 a 5 anos voltam a ser atendidas. A Educação de Jovens e Adultos (EJA) será retomada no dia 1º de junho. Na mesma data, os alunos do 6º ao 9º ano, do ensino fundamental, também regressam às atividades.

Por fim, no dia 8 de junho, é a vez do retorno dos alunos do 1º ao 5º ano. “São essas as datas para retomada gradativa na rede municipal”, explicou o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro.

Para a atividade privada, a educação infantil (berçário) e educação superior retomam no dia 18 de maio. O ensino médio e fundamental voltam as ações no dia 25 de maio.

“Dessa forma, estabelecido o plano, elaborado com muita responsabilidade, se não houver nenhum descontrole da Covid-19, nós estaremos implementando esse calendário de retomada gradativa das atividades escolares no ensino público e privado. Todos devem seguir medidas rigorosas de biossegurança. Teremos reunião com MPE, com o Sindicato, para avaliar a ações”.

No próximo dia 14, uma nova reunião será realizada para análise do cenário de disseminação da pandemia e verificação da viabilidade de efetivação das medidas programadas.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.