Deputado divulgou a conclusão do protocolo de prevenção ao Covid-19 que tem sido utilizado por agentes da saúde

Drº Eugênio que preside a Comissão de saúde e previdência no legislativo estadual elaborou e debateu de forma efetiva o protocolo

14

Com o objetivo de auxiliar o profissional de saúde na abordagem e manejo de casos confirmados ou suspeitos de Covid-19, que uma equipe de representantes de instituições elaboraram o protocolo de enfrentamento da Covid-19. O documento que foi finalizado na quarta-feira (15) inclui informações sobre medicamentos disponíveis na Relação Nacional de Medicamentos Essenciais (Rename) do Sistema Único de Saúde (Sus), instruções de teleatendimento, avaliação inicial, gravidade e notificação são itens especificados pelo protocolo.

Um dos autores e que esteve presente em todos os processos de elaboração foi o deputado Dr. Eugênio (PSB), que também é presidente da comissão de saúde e previdência social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Ainda no documento foi ressaltado como deve ser feito o manejo domiciliar, que em casos leves o paciente deverá ser visitado constantemente pelo agente de saúde ou abordado por telefone ou correio de voz. Pacientes, ainda no manejo domiciliar deverá receber um atestado de 14 dias e também praticar o isolamento.

O protocolo falta também sobre alguns medicamentos usados no tratamento e é claro quanto a negativa quando usado com intenção de prevenção, “…o uso com esta finalidade não tem qualquer comprovação até o momento…”.

Cuidados com a prevenção nas unidades de saúde também foram elencados pelo estudo.
Além do deputado Dr. Eugênio, participaram da elaboração, Danielle Pedroso Dias Carmona Bertucini (secretaria adjunta executiva de saúde), Dr. Abdon Salam Khaled Karhawi (assessor médico do gabinete de situação do governo de MT), Dr. José Alfredo Sejópoles (representante da Ses), Regina Paula de Oliveira Amorim Costa (coordenadora de gestão da atenda primária), Dra. Hildenete Monteiro Fortes (presidente do conselho regional de medicina), Dr. Francisco Jose Dutra Souto (faculdade de medicina da UFMT), Dr. Luiz Gustavo Raboni Palma (secretário adjunto de assistência de Cuiabá), Dra. Eva Clarice Abdo Grigoli (médica infectologista, secretaria municipal de saúde de Cuiabá) e Dr. Eduardo Andraus Filho (representante da secretaria municipal de Cuiabá).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.