Opositor radical ameaça matar prefeito de Cuiabá com machado

29

Gustavo Lima Franco, 29, preso na noite de sábado (8), após agredir um servidor da prefeitura ao ser flagrado tentando arrombar a porta da prefeitura regional Leste de Cuiabá, no Jardim das Américas e ameaçar a vida do prefeito Emanuel Pinheiro usando um machado, foi denunciado na última quinta-feira (6), após dar um soco no rosto de um servidor do Banco do Brasil. No ato, ele ainda quebrou a porta de vidro da agência bancária do Paiaguás.

Na noite de ontem (8), o agressor queria mesmo era ‘entregar um presente’ ao prefeito Emanuel Pinheiro. Com um machado em mãos, foi andando até a casa do chefe do executivo, mas foi alcançado pelos policiais e preso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.