Anvisa autoriza 3ª fase de testes da vacina Ad26 contra Covid-19 produzida no Brasil

21

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizou, nesta 3ª feira (18), os testes da fase 3 da vacina contra covid-19 da Johnson & Johnson no Brasil. Eis a íntegra do comunicado.

O estudo deve ser realizado com até 60.000 pessoas, com idade de 18 a 60 anos. No Brasil, serão 7.000 voluntários nos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais, Bahia e Rio Grande do Norte. O recrutamento dos voluntários é de responsabilidade dos centros que conduzem a pesquisa.

A vacina, chamada de Ad26, será aplicada em dose única ou placebo. O imunizante é composto por 1 vetor recombinante, não replicante, de adenovírus tipo 26 (Ad26), construído para codificar a proteína S (Spike) do vírus Sars-CoV-2, responsável pela covid-19.

Os dados que embasaram a autorização da Anvisa incluíram estudos não clínicos com a vacina e dados não clínicos e clínicos acumulados de outras vacinas que utilizam a mesma plataforma Ad26. Os estudos da fase 1 e 2 da vacina começaram em julho nos Estados Unidos e na Bélgica.

Para a aprovação, a Anvisa realizou reuniões com a equipe da Janssen, empresa farmacêutica que desenvolverá a vacina, a fim de alinhar todos os requisitos técnicos necessários para os testes.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.