Detram-MT vai reciclar mais de seis mil peças de carros apreendidos no estado

16

Mais de seis mil veículos e motocicletas passaram por processo de descontaminação e reciclagem este ano em 58 pátios do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT). A estimativa da autarquia é reciclar cerca de 12 mil veículos até o final do ano em todo Estado.

Nesta semana, serão reciclados 1.028 veículos em pátios do Detran-MT em 11 municípios: Alta Floresta, Colíder, Apiacás, Nova Bandeirantes, Guarantã do Norte, Terra Nova do Norte, Peixoto de Azevedo, Nova Monte Verde, Santa Rita do Trivelato, Nobres e Nova Canaã do Norte.

A reciclagem é realizada com os veículos inservíveis, aqueles que não estão aptos a voltar a trafegar pelas vias públicas e que estão há mais de um ano nos pátios do Detran, sem a solicitação de retirada pelos proprietários.

Nessa situação, o Código de Trânsito Brasileiro autoriza os órgãos a fazerem a reciclagem desses veículos, que é realizada por empresas especializadas.

Segundo o diretor de Veículos do Detran-MT, o serviço de reciclagem é uma ação continuada da autarquia para a correta destinação dos materiais poluentes, manutenção da limpeza dos pátios, além da preservação da saúde pública e do meio ambiente.

Reciclagem

O processo de descontaminação e reciclagem dos veículos inicia com a retirada da bateria, óleo, combustível e pneus, dando a empresa responsável a devida destinação exigida para cada material. Só então é feita a compactação, pesagem e envio do material para reciclagem.

Após o processo de reciclagem, o Detran-MT realiza a baixa definitiva do cadastro do veículo, para evitar novos débitos desses veículos nos anos subsequentes.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.