Candidato a prefeito de Nortelândia é preso suspeito de recrutamento eleitoral

10

Gazetadigital

Candidato a prefeito de Nortelândia (253 km ao Médio-Norte de Cuiabá), o vereador Mariano Gomes (Dem), foi preso pela Polícia Militar na manhã deste domingo (15), por estar presente em uma sessão eleitoral diferente da sua, que pode ser considerado recrutamento eleitoral.

De acordo com as informações, Polícia Militar fazia a ronda eleitoral, acompanhada do juiz Diego Hartmann, quando passaram pela Escola Estadual Professora Idalina de Farias e em fiscalização, flagraram o candidato em conduta suspeita.

À imprensa, PM disse que o candidato estava ‘presente em sessão eleitoral diversa do seu local de votação’, o que pode configurar, em tese, ‘arregimentação ilegal de eleitores’.

Diante do fato, ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Arenápolis, onde foi autuado. Mariano Gomes é vereador na cidade desde 2004, quando ainda era do PSDB. Agora, na eleição deste ano, concorre ao cargo de prefeito pelo Democratas ao lado do empresário Irineu Miranda.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.