Governo reitera ajustes nas despesas e paga folha salarial de R$ 483 milhões dentro do mês trabalhado

42

Depois de dois anos no mandato, o governador Mauro Mendes (DEM), tem reiterado os ajustes nas despesas púbicas do Estado. Uma das prioridades foi atualizar os pagamentos dos salários dentro do mês, além de assegurar o 13º Salário sem atrasos. Nesta sexta-feira (27), o governo anunciou a antecipação do pagamento dos salários dos servidores ativos, inativos e pensionistas relativos ao mês de novembro.

O salário está na conta corrente de cada servidor público, dentro do mês trabalhado conforme o anunciado em setembro pelo governador Mauro Mendes.

Conforme ele, a folha liquida do mês de novembro chegou a R$ 483.712.241,61. Desse total, R$ 307.789.961,22 são destinados ao pagamento de servidores ativos e R$ 175.922.280,39 para inativos e pensionistas.

Receberão salários e proventos 111.858 servidores. São 71.408 servidores ativos das administrações direta e indireta; enquanto inativos e pensionistas somam 40.450 pessoas.

De acordo com a Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual, da Secretaria de Fazenda, o pagamento estava programado para ser feito na segunda feira (30). No entanto as equipes da do Governo e do Banco do Brasil, responsáveis pelo processamento da folha, viabilizaram a remessa dos arquivos para o Banco do Brasil ontem (26), permitindo assim, o crédito do salário na conta dos servidores, já nesta sexta-feira, no período da tarde e noite.

O dinheiro estará liberado no decorrer do dia tanto para quem tem contas no BB, como para aqueles que fizeram portabilidade para outros bancos.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.