Lúdio alerta para nova variante e colapso no sistema de saúde de Mato Grosso

19

O deputado estadual e médico sanitarista Lúdio Cabral (PT) enviou, nessa quinta-feira (25), ofício ao governador Mauro Mendes (DEM) recomendando que todo o território de Mato Grosso seja colocado na classificação de risco muito alto para contágio por Covid-19 e que seja decretada quarentena por pelo menos duas semanas, com restrição de funcionamento de atividades não essenciais. Lúdio já havia recomendado as mesmas medidas no dia 21 de janeiro, quando o estado chegou a um platô elevado da segunda onda da pandemia, mas o governador não tomou nenhuma medida.

Lúdio destacou que a variante britânica do vírus SarsCov-2 foi encontrada em Mato Grosso, conforme estudo da Rede Corona-ômica e da Universidade Federal de Minas Gerais, e que a variante amazônica provavelmente também está circulando no estado, ambas mais contagiosas.

Outro argumento citado por Lúdio é a lentidão na vacinação contra a covid-19 no Brasil e em Mato Grosso por falta de vacinas. “A impossibilidade atual de implementação adequada do Plano Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, que decorre da insuficiência de imunobiológicos (vacinas) sequer para alcançar cobertura efetiva nos grupos prioritários da fase 1, e a absoluta ausência de perspectivas para acesso a um quantitativo adequado de imunizantes”, diz trecho do ofício.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.