Primeira-dama elabora o “Vacina Solidária” para incentivar a doação de alimentos às famílias carentes

13

“Vivemos um momento muito difícil e toda ajuda faz uma grande diferença”. A afirmação é da primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, ao lançar a campanha “Vacina Solidária”.

De acordo com a primeira-dama, a iniciativa é premente considerando a pandemia e a situação dramática vivenciada por muitas famílias. Ela explica que a colaboração individual será traduzida no bem coletivo. Pondera que somente nessa semana  de vacinação cerca de 3 mil idosos devem fazer a imunização.

“O intuito é aproveitar o deslocamento das pessoas, com total segurança, para promover a ação solidária de doação de alimentos, que visa contribuir ainda mais com as famílias em maior situação de vulnerabilidade da cidade, ampliando o auxílio já prestado pela rede de proteção social do município”, explica.

A Campanha Vacina Solidária consiste em arrecadar alimentos não perecíveis, de forma voluntária no polo montado no Centro de Eventos Pantanal, onde é realizada a aplicação da vacina contra o Coronavírus. A doação não é obrigatória, pois a ação humanitária é mais um incentivo para auxiliar as pessoas necessitadas.

 “Neste momento em que muitas famílias estão necessitando de auxílio, esperamos contar com a solidariedade de cada um. A doação do alimento não é pré-requisito para se tomar a vacina, mas é um ato de solidariedade muito importante no atual momento que estamos passando, sobretudo, diante das medidas mais restritivas. É preciso unirmos forças para levar esperança e alimento a quem mais precisa”, afirma.

Ela frisa  que a doação é voluntária, ou seja, é apenas uma sugestão para quem irá ser imunizado e quiser contribuir. Quem não puder doar, não terá nenhum prejuízo quanto à vacinação.

Doação

Podem ser doados alimentos não perecíveis, dentro do prazo de validade para garantir o período de entrega as famílias para bom uso dos produtos. Alimentos como arroz, feijão, óleo, macarrão, farinha, leite em pó, café, entre outros, são os mais essenciais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.