Secretáio de saúde de Sinop é denunciado pelo MP por nao cumprir horário de serviço

9

Folhamax

O secretário municipal de Saúde de Sinop, Valério Gobbato, é alvo de uma série de acusações formalizadas na Ouvidoria municipal e no Ministério Público de Mato Grosso por diversas irregularidades como o não cumprimento de carga horária como servidor público e recebimento indevido de verbas indenizatórias. Segundo a denúncia, o secretário, enquanto servidor

de carreira, não cumpria o horário de trabalho de 8 horas. Valério é cedido pela Fundação Nacional da Saúde (Funasa) para o município e trabalhava apenas das 7h às 13h, porém ele preenchia em punho as folhas de ponto como se estivesse na unidade das 7h às 11h e das 13h às 17h. 

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta