Justiça cega: em Sorriso, uma mulher é morta mesmo com medidas protetivas contra o ex- acusado de matá-la

17

Luciene Borges, 34 anos, encontrada morta a facadas no início da manhã desta quinta-feira (17) em Sorriso (420 km de Cuiabá), havia registrado um boletim de ocorrência contra o seu ex-marido no mês de abril.

De acordo com a Polícia Civil, Luciene foi agredida pelo ex, ocasião que acionou a Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência por violência doméstica.

Além do registro, Luciene também havia pedido medida protetiva.

Luciene Borges foi localizada caída em uma estrada de chão, ensanguentada e sem roupas.

A perícia constatou, inicialmente, que a mulher foi atingida por mais de 20 golpes de faca, maioria na barriga, além de pescoço e rosto. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Deixe uma resposta