Em Sinop, um homem acredita ter sido traído e tenta agredir a esposa e filhos

19

Foto: MorarBem

Um homem, de 36 anos, foi preso ontem (28), após torturar psicologicamente a esposa, ameaçá-la de morte e tentar agredir os dois filhos dela em um condomínio onde moram em Sinop. Ela contou que há vários dias sofria tortura psicológica, que o esposo a acusa de traição e diz que vai matá-la e a seus filhos. As ameaças foram presenciadas pelos vizinhos.

De acordo com o registro da ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por volta das 2h, após a vítima conseguir fugir e se abrigar na casa de um vizinho com o filho caçula. Ao chegarem ao local, os policiais encontraram a vítima e o filho dela.

Durante a madrugada o homem teria corrido atrás do filho caçula da vítima para agredi-lo. Os policiais também foram informados que o outro filho da vítima estava trancado em um dos quartos para não ser agredido.

 Diante dos fatos, o suspeito foi detido e encaminhado junto com a vítima para a delegacia. O caso foi registrado e será investigado pela Polícia Civil.

Deixe uma resposta