Governo planeja desativação gradual do Centro de Triagem Covid-19

16
Após um ano e mais de 220 mil atendimentos, Governo planeja desativação gradual do Centro de Triagem Covid-19
Instalada na Arena Pantanal, unidade auxiliou Atenção Básica da Baixada Cuiabana com testagem em massa, realização de exames e fornecimento de medicamentos, após consultas

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) iniciou o planejamento da desativação gradual do Centro de Triagem Covid-19, instalado na Arena Pantanal. Inaugurada em 22 de julho de 2020, a unidade está ativa há mais de um ano e já realizou 226 mil atendimentos.

A medida ocorre após a diminuição de casos, hospitalizações e óbitos por coronavírus em Mato Grosso. A previsão é de que o Estado deverá encerrar a atividade do Centro em até 45 dias.

“O Centro de Triagem Covid-19 é um serviço suplementar do Estado, mas esse tipo de atendimento sempre foi atribuição dos municípios. Por isso, o Estado trabalha em um plano para que a unidade seja desligada paulatinamente. Se continuarmos em um declínio de casos por Covid-19, em no máximo 45 dias esse serviço voltará a ser prestado exclusivamente pelas Unidades Básicas ou de Pronto Atendimento”, explicou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Após a desativação da unidade, a testagem e o atendimento primário da população deverão ser prestados pela Atenção Básica dos municípios, que é responsável pela execução destes serviços no Sistema Único de Saúde (SUS).

“Em mais de um ano de funcionamento do Centro de Triagem, houve tempo suficiente para que os municípios se estruturassem para atender toda a população. Desta forma, envidaremos todos os esforços nas cirurgias eletivas, que de fato é uma atribuição do Estado”, disse o secretário.

O gestor ainda pontuou que o planejamento de paralisação do Centro de Triagem Covid-19 será estabelecido junto às Prefeituras de Cuiabá e Várzea Grande, de forma que os municípios também se preparem para a desativação.

Atendimentos

O Centro de Triagem Covid-19 atingiu a marca de 226.232 atendimentos realizados. Os dados mais recentes mostram que, de 22 de julho de 2020 a 30 de agosto de 2021, 38.859 testaram positivo para o novo coronavírus, 130.883 tiveram o resultado negativo e 56.490 apresentaram quadro suspeito da Covid-19.

No mesmo período, foram realizadas 14.519 tomografias, exame de avaliação dos pulmões que auxilia no diagnóstico e tratamento da doença.

Para o tratamento dos pacientes que testaram positivo ou que apresentaram a suspeita de coronavírus, a farmácia da unidade entregou 95.349 medicamentos. Os remédios só são fornecidos após realização de consulta e prescrição médica.

Deixe uma resposta