Deputado mostra viabilidade e legalidade de trabalho em terras indígenas

196

O deputado Nelson Barbudo (PL) mostrou a realidade das comunidades indígenas de Poxoréu e Primavera do Leste, que cultivam arroz e milho em suas terras. A iniciativa do parlamentar foi a forma encontrada para responder as prisões de servidores da Funai, fazendeiros e alguns indígenas que exploram as terras para a criação de gado de forma ilegal. “Quem me acompanha sabe do trabalho que desenvolvemos na trajetória das comunidades indígenas que cultivam a terra e buscam sua liberdade econômica”, rebateu Barbudo, por meio de um vídeo postado em suas redes sociais, nesta quinta-feira (17).

O vídeo tem declarações do deputado e de caciques que trabalham com arroz e milho na região de Poxoréu e Primavera do Leste. “Eles têm recebido nosso apoio desde o começo do mandato, junto ao Presidente Jair Bolsonaro e através do Incra, Funai e Ministério do Meio Ambiente, para mudar a realidade dos povos indígenas”, afirmou o deputado.

São parceiros da causa e estiveram presentes no vídeo, o também deputado federal, Eduardo Bolsonaro, o deputado estadual Xuxu Dal Molin e o presidente da Farm Show de Primavera do Leste, José Nardes.

Deixe uma resposta