Festival de Bandas e Fanfarras de Itanhangá se consagra como um dos maiores de MT

8

Aconteceu neste final de semana, na cidade de Itanhangá-MT, a 3ª BanFest, Festival de Bandas e Fanfarras, com participação de diversas cidades do estado, somando mais de 700 alunos, professores e músicos, que abrilhantaram o domingo com total de 18 apresentações musicais.

Estiveram presentes as cidades de Apiacás, Campo Novo do Parecis, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Santa Rita do Trivelato, Sorriso, Sinop, Tabaporã, Tapurah, Guarantã do Norte, Vera e Várzea Grande.

A abertura contou com a banda da Escola Municipal Cecília Meireles Anos de Ouro de Itanhangá que encantou o público presente com duas apresentações. O objetivo do Festival é explorar o potencial educativo da música, estimulando o desenvolvimento e dar espaço para a demonstração da arte, promovendo a atração cultural entre as diferentes áreas desenvolvidas pelos alunos de projetos culturais das cidades. Em Itanhangá, o Projeto No mundo da Música, a oficina de Fanfarra atende mais de 100 alunos em atividades extras.

O evento tem como objetivo explorar o potencial educativo da música, estimular o desenvolvimento e dar espaço para a demonstração da cultura popular, além de fomentar o desenvolvimento da música na escola e a produção de saberes, criando espaço e estímulo para a expressão de talentos entre a comunidade escolar.

Para a secretária de Educação, Suzana Bêss, “É um dia muito especial, o evento vem para abrilhantar ainda mais a nossa cidade que comemorou 22 anos de emancipação política. A 3ª Banfest ocorre é um momento em que todas as escolas colocam ternura e carinho, nós temos que bater palmas e elogiar muito os alunos. Também quero agradecer todos os municípios que vieram participar”, disse a secretária.

Esteve presente no evento o prefeito municipal de Itanhangá, Edu Pascoski, vice-prefeito Emerson Sabatine, Presidente da Câmara Zilmar e geradores de Itanhangá, a Coordenadora de Cultura de Sinop, Branca, Secretário de Educação e Cultura de Santa Rita do Trivelato, Paulo Matos, Secretário de Cultura de Vera, Rodrigo Gomes.

Deixe uma resposta