Futuro da Cafeicultura em Mato Grosso passa por avaliação na ALMT

Powered by WP Bannerize

15

Fotos: Jr Poyer

A cafeicultura do estado foi pauta de discussão na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, a pedido do deputado Dilmar Dal Bosco (UB), que é presidente da FPA – Frente Parlamentar da Agropecuária da Assembleia Legislativa. O encontro, que teve como foco o planejamento de ações para 2024, reuniu a ACAFEMAT – Associação dos Cafeicultores do Estado de Mato Grosso, Prefeitos, Vereadores, Empaer, SEAF e uma representação expressiva de produtores de diversos municípios do estado, ligados ao promissor setor cafeeiro.

Reunião fomentou o planejamento de ações para 2024 com representantes da ACAFEMAT e lideranças de todo o estado.

Deputado estadual e presidente da FPA, Dilmar Dal Bosco, durante a reunião destacou o comprometimento das autoridades políticas com o crescimento e a estabilidade da cafeicultura local. Em seu discurso, Dilmar enfatizou a importância de promover políticas públicas que incentivem a modernização e a capacitação dos produtores, visando garantir a prosperidade da cadeia produtiva do café em Mato Grosso. “A região noroeste, maior produtora de café do estado, precisa de uma atenção especial e é ótimo ver o esforço em melhorar a produtividade e qualidade do café, além de promover o desenvolvimento local. São fundamentais o reconhecimento e a importância dessas iniciativas e também, necessário investir na capacitação dos produtores e na infraestrutura para impulsionar a produção”, disse Dilmar.

Dilmar ainda salientou que a diversidade de participantes na reunião reflete o alcance das discussões, que abordaram desde questões técnicas, como inovações agrícolas e práticas sustentáveis, até políticas de apoio e investimentos no setor. “Essa troca de ideias entre representantes de diferentes regiões do estado promove uma visão diferenciada, abrindo caminho para soluções colaborativas e alinhadas aos desafios específicos enfrentados por cada localidade, só tenho que parabenizar aos envolvidos pelo empenho em contribuir para o crescimento das famílias da agricultura familiar e continuar inspirando mais pessoas a se envolverem em projetos que impactam positivamente as comunidades”, comentou Dal Bosco.

Finalizando sua fala, Dilmar disse que essa reunião marcou o início de um ano cheio de desafios e de grandes conquistas para a cafeicultura no estado, demonstrando confiança de que, com essa parceria e determinação, grandes resultados serão alcançados em 2024.

Deixe uma resposta