Reforma na Cadeia de Araputanga resultará em 51 novas vagas

1.277

A Cadeia Pública de Araputanga está passando por reformas de ampliação. Ao todo, serão construídas quatro celas, possibilitando 51 novas vagas. Serão três com 12 leitos e uma com 15 leitos. A obra é uma parceria entre o Conselho da Comunidade, Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso (TJMT) e a Prefeitura Municipal de Araputanga.

Os recursos para a obra vieram do Fórum da Comarca de Araputanga com objetivo de também atender a demanda dos municípios de Jauru e Porto Esperidião. No momento, a cadeia pública atende 86 recuperandos.

Segundo o diretor da unidade, Paulo César Neves, a capacidade atual é de 84 reeducandos. “Essa obra vem para desafogar e ampliar a nossa capacidade. Nós poderemos atender a demanda aqui de Araputanga e também de Jauru e Porto Espiridião”.

A obra está em execução, ainda em fase de fundação. A mão de obra é composta por 10 reeducandos, sendo três pedreiros e sete ajudantes. Eles estão sob orientação e supervisão do engenheiro da Prefeitura de Araputanga.

Reforma na PM

Outra obra no município conta com mão de obra de reeducandos da Cadeia Pública de Araputanga. Dois deles estão auxiliando na obra da reforma do Batalhão da Polícia Militar (PM-MT) de Araputanga. Os recuperandos trabalham na construção de um muro e reformas de salas administrativas.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta