Passageiros em VG ficam sem restaurante que funcionava como terminal rodoviário

Justiça mandou fechar pela segunda vez o estabelecimento que abrigava passageiros há mais de 30 anos

5

O terminal rodoviário de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, foi interditado na madrugada desta quinta-feira (14) e todas as operações no local foram suspensas. A medida atende a uma decisão da Justiça, que determinou que o restaurante instalado no local deixe de funcionar como rodoviária.

O gerente do local, Selmo Oliveira explicou que todas as empresas foram informadas sobre a interdição, nessa segunda-feira (11), pela Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager-MT).

Apesar disso, muitas pessoas que pretendiam viajar neste feriado foram até o terminal para tentar comprar passagens, no entanto, encontraram as portas das agências fechadas.

O Ministério Público Estadual (MPE) havia pedido adequações ao local e a suspensão da cobrança de taxa de embarque. Na ação, o próprio restaurante disse que não pretende continuar funcionando como rodoviária e que já teria pedido a suspensão dos embarques e desembarques no local, mas o terminal continuava funcionando normalmente.

Em 2013, 2015, 2016 e 2019, o Ministério Público já havia tentado acordo com o restaurante, mas sem sucesso.

Deixe uma resposta